Página inicial > Romântico > C > Chitãozinho e Xororó > Saudação Aos Canoeiros

Saudação Aos Canoeiros

Chitãozinho e Xororó

Galopeira


Eu mesmo fiz a canoa, madeira de tambori
é leve na flor da água não vira pra mim cair
mesmo se houver naufrágio eu mergulho e nado e sei sair

No rancho de pau a pique vivo feliz e contente
No mal que vem longe d'gua não tem perigo da gente
descanso na sombra amiga de numa paineira que tem na frente

Tenho um belo oratório aonde eu oro e recebo graças
eu rezo pra Aparecida, a minha nunca fracassa
pendurada na parede tenho a minha rede de doze braças

O meu cachorro valente foi um presente do Pedro Lima
Tambem tenho um violão, dia de função canto pras meninas
se ajunta companheirada eu jogo trucada de ponto acima

É assim o meu viver, vejo o amanhecer na terra querida
cada verso que eu faço é um pedaço da minha vida
Esta é a minha saudação aos canoeiros do rio Paraiba
Esta é a minha saudação aos canoeiros do rio Paraiba

Compositor: (modesto Gadotti/bie)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Chitãozinho e Xororó no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS