PĂĄgina inicial > Sertanejo > C > Chiquito e Bordoneio > Tropa Mal-Assombrada

Tropa Mal-Assombrada

Chiquito e Bordoneio


SĂŁo vĂĄrios dias de tropa, muitos dias no relento
Uma geada branqueava, nunca tinha sol sĂł chuva e vento
Do nada surgia do pó, sempre em direção ao vento
A tropa sempre enfileirada
e os tropeiros calejados do tempo
Eram dois cavalos lobunos, dois bragados e um gateado
Cinco homens e um destino
devolver para o inferno todo o gado

De onde vem? Pra onde vĂŁo?
Por que uns enxergam e os outros nĂŁo?
Dizem que sĂł os puros de alma
conseguem avistar ao longe
A tropa mal assombrada
que rondam os campos do Rio Grande

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Chiquito e Bordoneio no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS