Página inicial > Forró > C > Chama Chuva > Pass'o Preto

Pass'o Preto

Chama Chuva

Chama Chuva 15 anos - Ao vivo


Itaúnas quando o sol se põe
Ouço segredos que o vento trás
Ao subir as dunas e olhar pro mar
Num simples desejo de te amar demais
E aquela vontade de dar as mãos
E o meu prazer de olhar para as águas
Deitar numa rede sonhar seus mundos
Se perder nas horas e andar sem rumo

Na luz de um lampião a gás
Tudo que ela faz é me amar demais
Tudo que ela ouve é minha gaita minha voz
Acendendo a canção que é de todos nós
Numa noite branda de muita paz
Em uma noite fria itaúnas
Brilham as estrelas os vagalumes
Me embreago em vinhos e perfumes

Ouvir o pass'o preto logo cedo
Pass'o preto cantar de manhã
Ouvir o pass'o preto logo cedo
Pass'o preto quando é de manhã

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Chama Chuva no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS