Isolada

Cesária Évora


'M ta conchê um mulata
Qui ta vivê fichada
Isolada num gaiola
Cor di prata

Ele tem pa companhia
Hote e luz di dia
Ele é nhas fins di sofrimento
Ma tormento

'M ta conchê um mulata
Qui ta vivê fichada
Isolada num gaiola
Cor di prata

Ele tem pa companhia
Note e luz di dia
Ele é nhas fins di sofrimento
Ma tormento

Dja'me pedi nosso senhor
Pa'l dà-me um asa em flor
Quê pâ-me voà
Tê quel mulatinha
Pà-me bà tira'l di sê dor
Pà-me bà fazêl'l nha rainha
Sê liberdade
E nha felecidade

Dja'me pedi nosso senhor
Pa'l dà-me um asa em flor
Quê pâ-me voà
Tê quel mulatinha
Pà-me bà tira'l di sê dor
Pà-me bà fazêl'l nha rainha
Sê liberdade
E nha felecidade



Dja'me pedi nosso senhor
Pa'l dà-me um asa em flor
Quê pâ-me voà
Tê quel mulatinha
Pà-me bà tira'l di sê dor
Pà-me bà fazêl'l nha rainha
Sê liberdade
E nha felecidade

Dja'me pedi nosso senhor
Pa'l dà-me um asa em flor
Quê pâ-me voà
Tê quel mulatinha
Pà-me bà tira'l di sê dor
Pà-me bà fazêl'l nha rainha
Sê liberdade
E nha felecidade

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Cesária Évora no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS