• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Canto hoje, canto sempre
    O que sou e o que tenho
    Pois o rincão de onde venho
    É o santo chão dos ventenas
    Que arrastaram nazarenas
    "Sobre tierra e abajo el cielo"
    Pela cor deste "pañuelo"
    Que ainda faz peso na goela
    Dos que pelearam por ela
    "Inté" o último atropelo

    Esta cantiga baguala
    É o idioma dos bravos
    Que se fizeram escravos
    Do mundo e da própria sina
    E aos poucos os descrimina
    Mas não lhes tira o direito
    São tauras do mesmo jeito
    Essa é a razão que se acha
    Pois um homem de bombacha
    Merece todo o respeito

    Refrão:
    Por isso eu canto em nome
    Dos que vivem dos arreios
    E em pelados de rodeios
    Dão a vida por um pealo
    Acham grande um regalo
    Trocar a vida por nada
    Um índio "venta rasgada"
    É sempre um filho do vento
    Que ergue a pátria nos tentos
    No romper da madrugada

    Se lhes falo de "criollas"
    Lhes falo por que conheço
    Pois também andei do avesso
    Por estradas e galpões
    Só não sei por que razões
    A alma das criaturas
    Vaga pelas planuras
    Quando o vento norte ronca
    Sobre cunheiras e estroncas
    Que se ergueram nas longuras

    Mas algum dia eu encontro
    A parceria dos outros
    Que usavam "botas de potro"
    E chapéus "pança de burro"
    E perpetuaram sussuros
    De boleadeiras e "garras"
    E viram o sol entre as barras
    De horizontes infinitos
    Quando os primeiros gritos
    Acolheraram guitarras.

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Cesar Oliveira & Rogério Melo

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.