César Menotti e Fabiano

Bandido do Amor

César Menotti e Fabiano


Se meu crime é te amar virei bandido
Se o castigo é você pode me prender
Vou roubar seu beijo brigar com a saudade
Dar um tiro na solidão vou matar a vontade
Assaltar seu cheiro e me embriagar de paixão
Sequestrar seu olhos e o resgate é o seu coração
Vou ser o bandido do amor seus braços vão ser minha prisão
Ser condenado, algemado ao teu lado é o que eu quero
Vou ser o bandido do amor, o julgamento é você quem faz
De a sentença me prenda e não solte jamais

Refrão:
Se meu crime é te amar virei bandido
Se o castigo é você pode me prender
Se meu crime é te amar virei bandido
Se o castigo é você pode me prender


Vou ser o bandido do amor seus braços vão ser minha prisão
Ser condenado, algemado ao teu lado é o que eu quero
Vou ser o bandido do amor, o julgamento é você quem faz
De a sentença me prenda e não solte jamais

Refrão:
Se meu crime é te amar virei bandido
Se o castigo é você pode me prender
Se meu crime é te amar virei bandido
Se o castigo é você pode me prender

Se meu crime é te amar, te amar, te amar, virei bandido
Se o castigo é você pode me prender

Que eu nem ligo
Que eu nem ligo
Que eu nem ligo

Pode me prender

Vou roubar seu beijo

Composição: Luiz Bernardo da Silva Filho

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a César Menotti e Fabiano no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS