Página inicial > Sertanejo > C > Cascatinha & Inhana > Jangadeiro do Norte

Jangadeiro do Norte

Cascatinha & Inhana

Primeiros Anos, Grandes Sucessos


Jangadeiro
Jangadeiro do norte
Que ao sopro do vento forte
Soltou sua embarcação

Velas brancas
Velas pandas ao vento
Mais leves que o pensamento
E em forma de coração

E à tarde quando em bando as gaivotas
Da cor de marfim
Voltam cantando serenas
Às praias sem fim

De velas em farrapos
A jangada na praia tocou
Porém, jangadeiro
Você nunca mais retornou

Jangadeiro
Jangadeiro do norte
Que ao sopro do vento forte
Soltou sua embarcação

Velas brancas
Velas pandas ao vento
Mais leves que o pensamento
E em forma de coração

Também pelo mar de minha vida
Tristonha e dorida
Soltei uma frágil jangada
Chamada ilusão

E à tarde quando em bandos as gaivotas
Costumam voltar
Somente uma fria saudade
Voltou a chorar

Jangadeiro
Jangadeiro do norte
Que ao sopro do vento forte
Soltou sua embarcação

Velas brancas
Velas pandas ao vento
Mais leves que o pensamento
E em forma de coração

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)

Compositor: Carlos Alberto S. Braga (João de Barro)

Letra enviada por Pedro Paulo Mariano

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Cascatinha & Inhana no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS