Omnia Sol Temperat (tradução)

Carmina Burana


Omnia Sol Temperat tradução


O sol tempera tudo

puro e suave

novamente revela ao mundo

a face de Abril

ao amor incita

a alma do homem

e sobre prazeres impera

o deus menino


Tanta renovação

no festival primaveril

e o poder da primavera

faz com que nos alegremos

ela abre os caminhos conhecidos

e em tua primavera

é fiel e honesto

que te conserve


Ama-me fielmente

veja minha fidelidade

com todo meu coração

e com toda minha alma

estou presente

ainda que ausente

quem quer que ame assim

é revirado na roda

Omnia Sol Temperat


Omnia sol temperat

purus et subtilis,

novo mundo reserat

faciem Aprilis;

ad amorem properat

animus herilis

et iocundis imperat

deus puerilis.


Rerum tanta novitas

in solemni vere

et veris auctoritas

iubet nos gaudere;

vias prebet solitas

et in tuo vere

fides est et probitas

tuum retinere.


Ama me fideliter,

fidem meam nota:

de corde totaliter

et ex mente tota

sum presentialiter

absens in remota,

quisquis amat taliter

volvitur in rota.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS