Omelete Man

Carlinhos Brown

Omelete Man


Anti-gama recarregada sem ti
tive nua a sentença
anúncio que acabou
em chic
omelete man

pro mentor mentecapto
o réu dele é rei
quando o frio acatar
queima mal e má
adivinho melado melhor
na lona rente

vão os anéis
sobram dedos urbanos em dobro
em dose dez
mais à mel
que o tribal tributo canibal
do lero-lero

só ficou chaminé
quem te quis quem te quer
preliminar o mel de amar
antes que outro herói
te buzine de longe
omelete man
nada de roupa tipo botequim
omelete de mim
só se come em caso de fome
de couvert

ficção mera
rico sem moeda
vício sem
milagre
leve lágrima
dos arcanjos de banjo brincando
na lona rente

vão os anéis
sobram dedos urbanos em dobro
em dose dez
mais à mel
que o tribal tributo canibal
do lero-lero

omelete man, omelete
omelete man, omelete

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Carlinhos Brown no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS