O close

Carinha de Anjo (novela)


Quando eu te conheci
Me vieram tantos sonhos
Vi nascer dentro de mim
Sentimentos tão estranhos

O Amor pairando no ar
Feito o sol do amanhecer
Tanto brilho em seu sorriso
Dei um close em você

Seu olhar em meu olhar
Refletia no espelho
Balançou meu coração
Com a cor de um tom vermelho

Quis dizer I Love you
Mas não consegui
Eu fiquei imóvel
Vendo o vento te levar, se eu fosse uma folha
com o vento eu também poderia ir

Como eu fui deixara acontecer assim
Estava aqui ao lado tão perto de mim
Esse amor que brilha cada dia mais
Mas as vezes falo com meu coração
ele diz que o tempo é a solução

O que o vento leva o mesmo vento traz
O que o vento leva o mesmo vento traz

Quis dizer I Love you
Mas não consegui
Eu fiquei imóvel
Vendo o vento te levar, se eu fosse uma folha
Com o vento eu também poderia ir

Como eu fui deixar acontecer assim
Estava aqui ao lado tão perto de mim
Esse amor que brilha cada dia mais
Mas as vezes falo com meu coração
ele diz que o tempo é a solução

O que o vento leva o mesmo vento traz

Como eu fui deixar acontecer assim
Estava aqui ao lado tão perto de mim
Esse amor que brilha cada dia mais
Mas as vezes falo com meu coração
ele diz que o tempo é a solução

O que o vento leva
O que o vento leva
O que o vento leva o mesmo vento traz

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Carinha de Anjo (novela) no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS