Rataplan do Mar

Canções Escoteiras


Do infinito mar, na vasta imensidade,
E sob a infinidade do esplendente azul
Queremos educar a nossa mocidade
Fugindo a vida inerte, infenso, atroz, paul

E quando vemos longe o torvelinho humano
O próximo perigo, as almas nos desperta,
Ao nosso brado: Alerta! Alerta, Sempre Alerta!
Responde-nos; Alerta! As vozes do Oceano.

(Estribilho - 2x)

Em cadência firme e sã
Nossos peitos faz vibrar
O Rataplã, Rataplã, Rataplã
Dos Escoteiros do Mar

Na progressiva paz, nos dias de perigo,
Nas horas de alegria, ou quando reina a dor,
É sempre o mesmo mar, o nosso grande amigo,
É sempre a mesma Pátria, o nosso imenso amor

Se acaso ferve um dia, um turbilhão insano
Das cúpidas paixões de alguma hora incerta,
Ao nosso brado: Alerta! Alerta, Sempre Alerta!
Respondem-nos: Alerta! As vozes do oceano.

(Estribilho - 2x)

Da Pátria, todo amor, constantes pioneiros,
Por sobre mar ou terra, ou sob o céu de anil,
Ardentes, juvenis, do Mar os Escoteiros
Só tem por lema audaz: Tudo pelo Brasil!

E, assim, sempre evitando, da tibieza, o engano,
Do amor à Pátria e honra, da fé sob a coberta
Ao nosso brado; Alerta! Alerta, Sempre Alerta!
Respondem-nos: Alerta! As vozes do oceano.

(Estribilho - 2x)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Canções Escoteiras no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS