Mendigo de Amor (tradução)

Camilo Sesto


Mendigo de Amor


A luz da tarde estava vindo de você

cuidabas flores velhas e jardim

Eu andava devagar, fingindo não olhar

e você me chamou e me deu o seu pão

eu sou pobre do mundo

mendigo de Deus

manchado ama

ladrão calor

E eu vivo em sua porta, roubar um único olhar

eu sou pobre do mundo

um mendigo de amor

E eu vivo em sua porta para ver o que você acabou de acontecer

eu sou pobre do mundo

mendigo de Deus

manchado ama

ladrão calor

e viver em sua porta para vê-lo ir

eu, eu rir no mundo

e por você eu poderia


Mendigo de Amor


La luz de la tarde venia de ti,

cuidabas las flores y al viejo jardin.

Yo andaba despacio, simulando no mirar

y tu me llamabas y me dabas de tu pan.

Soy pobre del mundo,

mendigo de Dios,

manchado de amores,

ladron de calor.

Y vivo en tu puerta, por robarte un solo mirar,

soy pobre del mundo,

un mendigo de amor.

Y vivo en tu puerta para verte tan solo pasar,

soy pobre del mundo,

mendigo de Dios,

manchado de amores,

ladron de calor,

y vivo en tu puerta para verte pasar...

yo, yo me rio del mundo....

y por ti yo podria....


Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS