Página inicial > Romântico > B > Bruno e Marrone > Homem do Meu Tempo

Homem do Meu Tempo

Bruno e Marrone

Minha Vida Minha Música


Vou levando a vida e a vida me levando,tudo é viver
Embalando amores nas canções mais comovidas
Do meu carro eu posso ver
Gente pelos bares,Telefones celulares
Nuvens de fumaça
Crianças brincam numa praça e isso mexe com as minhas emoções
Avião,metrô,velocidade essa cidade que não dorme
Avança no sentido do futuro pra que tudo se transforme
Imagens e palavras,chegam via Internet
Eu sou mais um viajante,um sonhador
Diante de um maravilhoso mundo novo
A tela de um computador

Vou vivendo a vida
Momento a momento
Deixando meus sentimentos,nas canções que eu invento pra falar de amores
Sou um ser humano,homem do meu tempo
O futuro é onde eu moro,mas no fundo eu adoro
Conversar com as flores

Vou seguindo em frente
Mil faróis,máquinas quentes cantam pneus
Quanto mais eu vejo esse progresso a minha frente,mais eu tenho fé em Deus
Prédios aos milhares,gente usinas nucleares,sondas no espaço
Mas é a força de um abraço que renova
Essas minhas emoções
Paro no sinal vejo pessoas sem abrigo e sem destino
Onde estão os filhos desses velhos e os pais desse meninos
São coisas que eu pergunto e a resposta é o silêncio
Que me dá um grande medo,tristeza e dor
Será que alguém vai perguntar em poucos anos
O que era o amor?

Compositor: Paulo Resende/paulinho Debétio

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Bruno e Marrone no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS