E Aí

Bruno e Marrone

Juras de Amor


Ás vezes que eu tinha que sofrer, eu já sofri
Das noites que eu tentei dormir e não dormi
Achei que já tava curado e me enganei
Aquele dia, aquela hora que te encontrei
Mas eu abri a guarda do amor quando te vi
Bateu saudade, deu vontade e eu não resisti
E quase te esqueci...

E aí, inevitavelmente eu me entreguei
E aí, seu corpo em minha boca eu senti
E aí, foi tremedeira de amor a noite inteira, choradeira!
Aí, inevitavelmente eu percebi
E aí, que o amor que eu vivi nunca senti
E aí, olhando nos seus olhos foi que eu percebi que eu nunca te esqueci!

Mas eu abri a guarda do amor quando te vi
Bateu saudade, deu vontade e eu não resisti
E quase te esqueci!


Contribuição: leandrostz

Letra enviada por leandrostz

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Bruno e Marrone no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS