• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)
    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)

    Já vi caminhos abrirem, pra quem não era sonhador
    E nunca de luta, na vida precisou
    Cansei de pedir pra deus ''oh meu senhor''
    Me dê forças pra aguentar só a metade desse terror

    De verdades eu sempre fui, de mentiras alguns me olham
    Se não sabem o que é luz, atira pros que ignoram
    Dinheiro move o mundo e a música é minha vida
    Ganancia poço sem fundo, minha voz minha melhor amiga

    O ouro de um cordão brilha pra gananciar
    Mas nunca vai valer mais que o brilho do meu olhar
    Tão fácil me conquistar atitudes vão demonstrar
    Que tô sempre atento com os bico
    Por isso me ligo quem trama e quem vai fechar

    Eu luto pelo o que eu quero não deixo me desenharem
    Eu nunca me desespero; eles mesmo que me encarem
    Que pague o preço certo a censura eles que parem
    O jogo só vai acabar quando isso aqui vocês tocarem

    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)
    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)

    O medo de perder consomem minhas ideias são velhas
    Sinceras, sérias mas sempre agradam plateia
    Aquelas que vivem quietas sem reta refém do medo
    São loucas pra ser minha metas que a vida acabam cedo

    Vou longe vou por aqui vou nessa quero subir
    Desejo o melhor desse mundo
    Pra todos que fecham e também quero ir
    Não pago pra tu me ouvir cada um que vá por si
    Engraçado pra tu ri mas amanhã tu vai tem que engolir

    Tá na hora de partir, não adianta você falar só criticar
    Tentar mostrar outra coisa pra mim se espelhar
    Olha lá vê bem direito meu corre bate no peito defeito
    Desse meu jeito só deita máximo respeito

    Defeito todos vão ter sujeito até uma porrada
    Mas com jeito vamo, ver de crescer da uma melhorada
    A estrada é sempre longa e quem desiste não quer subir
    Desisti mas só me devolve tudo que eu te dei
    Graças a isso aqui

    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)
    Eu não sei pra onde vou, nem sei se vou chegar
    Mas vivo a lutar eu vivo a lutar eu vivo a lutar
    (eu vivo a lutar, eu vivo a lutar)

    Eu vivo a cada dia com sede de vitória
    Eu aprendi a me superar nos momentos de derrota
    Cada lágrima que caiu, por motivos de fraqueza
    Quando ninguém botava fé e não tinha nada na mesa

    Me serviram de motivação, de superação
    Por mais que seja foda essa merda não foi em vão
    Não sou orgulho dos meus pais, ovelha negra da família
    Mas o que me move, todos sabem e a rebeldia

    Eu já pedi tanto pra deus, que até perdi minha fé
    Mais ele me guiou, e me pós aqui de pé
    Então vai segurando, ele me deu essa responsa
    Então eu canto rap e represento a stronda

    Hoje é fácil me escutar e dizer que eu sujo o rap
    Mais tu fala "sabotagem" e que curti "2pac"
    Aqui a arte é livre então não vem me censurar
    Mas foi você que deu o play, não te pedi pra me escutar

    Cada batalha é minha, sem ajuda e sofrida
    Cada conquista minha foi fruto das minha rima
    Pra mim tá tudo bem tô conquistando o meu espaço
    Memo falando mal eu tô sendo divulgado

    O meu som tá no seu carro, com sua mina lá no quarto
    Com os mano mais chapado, com os pivete alienado
    Que quando ouvi meu som, sente a vibe entra no clima
    Entenda o conteúdo, dos verso de cada rima

    O meu sonho era cantar e hoje em dia é meu trabalho
    Então só vou parar, quando eu tiver no sete palmo
    O meu sonho era cantar e hoje em dia é meu trabalho
    Então só vou parar, quando eu tiver no sete palmo

    Time c4m!

    Letra enviada por CRAZY
    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Bonde da Stronda

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.