• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Jacurutu, pesadelo dos Muras
    A noite vem roubar
    As crianças da aldeia
    Coisa má, coisa má afasta pra lá (2x)
    É preciso te enfrentar

    Jacurutu devasta plantação inteira
    Desafia a sabedoria dos feiticeiros
    Gigante covarde infame guerreiro
    É preciso te enfrentar

    Fome sem fim coisa ruim
    Aiça, anati some daqui
    Anerê o avô das tartarugas
    Foi chamado para te vencer (2x)

    E os feiticeiros acordaram Anerê
    Para o gigante prender
    O gigante Matreiro, vil, sorrateiro
    Afogou o anerê no fundo do rio
    Mal sabia que era seu fim
    A vingança começou assim
    De anerê sairam as plantas
    Para o pau vermelho dos arcos
    A paracuúba para as flechas
    A enbira para as cordas
    E dos seus ossos, a taboca para as pontas

    Atingido por mil flechas
    O gigante morreu
    Do seu sangue brotaram crianças
    E o amor mais puro cresceu (2x)

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Boi Garantido

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.