Página inicial > Regional > B > Boi Caprichoso > Caboclo Ceramista

Caboclo Ceramista

Boi Caprichoso


Em era primervas
Amazonia, índios e os primeiros
cacicados
Veio uma cultura rica e rara
Ananatuba, mangueiras e formigas

E o explendor da cerâmica marajoara
E o explendor da cerâmica marajoara

Tapajônicos e santarenos
Esculpindo o barro e moldando a vida
Na Habilidade das mão,
Que expressam o amor
Os mitos e religiões

Com o explendor da cultura marajoara
Com o explendor da cultura marajoara

Nas pinturas
Com o negro das fuligens
Urucú e caulin
E en cada traço geométrico
O início e o fim
O belo, o rude e o tétrico

E o Caprichoso em sua arte infinita
Relembra os nossos ancestrais
E a sua herança bendita
Que ainda hoje vive nas mãos
Do caboclo ceramista

Compositor: (alceo Anselmo, Mailzon Mendes, Hugo Levy, Alex Pontes, Arlindo Jr., Joel Maklouf, Neil Armstrong)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Boi Caprichoso no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS