Página inicial > Samba > B > Biro do Cavaco > Conselho de Amigo

Conselho de Amigo

Biro do Cavaco

Biro Do Cavaco - Ao Vivo


Meu grande amigo não sou bom de dar conselho
Mas atenda o meu apelo pra depois não lamentar
Essa nega nunca foi honesta comigo
Não vai ser diferente contigo ela é mesmo de amargar
Mulher ingrata foi a minha frustração
Respondeu com ingratidão a tudo que lhe ofertei

Casa empregada roupinha lavada uma bela caranga equipada
E veja só o que ela fez
Casa empregada roupinha lavada uma bela caranga equipada
E veja só o que ela fez

Abriu a gaiola do pássaro raro tão caro
Que eu discuti no leilão
Quebrou o jogo de jarro importado que veio lá do Japão
Não se amarre nessa nega que ela é mulher confusão
Conselho eu te dou de amigo a você meu irmão

(refrão)
Chamei de caixote aquele calote furado que a nega me deu
Pensei que o errado era eu precisei das mãos
Ela deu pontapé

Não se amarre nessa nega que ela é mulher macumbeira
Se marcar ela abusa da sorte e te deixa sem eira nem beira
E como já não bastasse da minha camisa fez pano de chão
Usou e abusou da minha compaixão

Sem piedade me deixou na mão
Rapaz vai pro sul ou pro norte
Mas foge do bote dessa peçonhenta
Primeiro ela te da água depois da pimenta

( refrão)

Compositor: Jady/Dall/Juninho/Salgadinho/Niltão

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Biro do Cavaco no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS