Página inicial > Rock > B > Barão Vermelho > Sem Vergonha

Sem Vergonha

Barão Vermelho

Maior Abandonado


Eu sei que esses encontros por acaso
São coincidências demais
Eu sento na mesa eu viro a cabeça
Você vem atrás
E tantos elogios por acaso
São coincidências demais

O olho aceso
Café, sobremesa
Você vem atrás
Eu armo o picadeiro
Mas no fim, no fim você tropeça e cai
E perde a canastra e ri
E diz até mais

Pra me provocar
Me deixar maluco
E eu vou atrás
Sem vergonha e sem culpa
Na paz...eé
Sem vergonha e sem culpa
Na paz.

E tantos elogios por acaso
São coincidências demais
O olho aceso
Café, sobremesa
Você vem atrás
Eu armo o picadeiro
Mas no fim, no fim você tropeça e cai
E perde a canastra e ri
E diz até mais

Pra me provocar
Me deixar maluco
E eu vou atrás
Sem vergonha e sem culpa
Na paz...é
Sem vergonha e sem culpa
Na paz.

Compositor: Frejat/cazuza

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Barão Vermelho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS