Barão Vermelho
Página inicial > Rock > B > Barão Vermelho > Rock do Vapor

Rock do Vapor

Barão Vermelho

Carne Crua


Eu não sou bandido
Sou trabalhador
Moro na favela
Não é por gosto seu doutor

Muita conta pra pagar
E os filhos pra criar
Com a sogra na minha aba
A irmã com a namorada

Morando todo mundo
Empilhado no meu barraco
Morando todo mundo
Empilhado no meu barraco

Sou trabalhador
Mas podia ser vapor
Eu não sou vapor
Porque sou trabalhador

Sou o último a falar
E o primeiro a apanhar
Moro na favela onde mora meu amor

Lá no morro também
Mora gente de bem
Lá no morro também
Mora gente de bem

Sou trabalhador
Mas podia ser vapor
Eu não sou vapor
Porque sou trabalhador

Moro na favela
Não é por gosto seu doutor
Tenho um patrão
Que é a imagem do cão

Já não tenho mais saída
Vou fugir pela entrada
Já não tenho mais saída
Vou fugir pela entrada

Compositor: Paulo Pizziali/Fernando Magalhães/Mauricio Barros

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Barão Vermelho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS