Barão Vermelho

Copacabana

Barão Vermelho

Rock`n Geral


Copacabana você não me engana
Com seus bares e quitinetes
Vapores circulando livres pelas lanchonetes

Lembro de velhos safados
De binóculos a espiar das janelas
Andando pelas esquinas
Lambendo a nudez de suas meninas

Copacabana você não me engana
Com seus travestis e generais de pijama
Essa beira-mar, quanto amor e sexo
Ainda há de presenciar ?

O ritmo alucinado nos seus inferninhos
Dia e noite, noite e dia
Da prado Júnior ao Posto Seis
A verdadeira "Ilha da Fantasia"

Se eu soubesse a razão
De vidas tão diferentes em seu coração
Se eu sobesse o motivo dessa romaria
Em sua direção
Um pouco mais da naturea humana eu saberia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Barão Vermelho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS