Paranóia

Banda Paranoia

ódio de vocês!


Esse tal medo da loucura e da adrenalina
É a rotina de uma coisa qualquer
Mais que pena que vocês não têm essa
Rotina de fazer aquilo que se quer

Chamam de paranoia
(aquele medo que você não ver)
Chamam de paranóia
(vocês nunca vão entender)
Chamam de paranoia

Ousam bem o que nós temos para lhe dizer
Pois nós iremos lhe enlouquecer
Vamos entrar no seu ouvido mesmo sem sentido
E vamos tortura você

Preconceito, corrupção um dia
Vamos derrotar vocês
Desigualdade, desunião é o
Patrimônio de todo burguês
Desigualdade social

Façam da vida uma felicidade eterna
Pois para sempre ela não vai ser
Já nos cansamos de querer
Tentar salvar a terra
A gente agora quer se divertir
Vivemos dias após dias
Intensamente esperando o dia de parti
A sua vida tão sem graça e nada inteligente
Nos motivas mesmo a ser assim

Tipo uma paranóia
(aquele medo que você não ver)
Tipo uma paranóia
(é a loucura de poder fazer)
Tipo uma paranóia

Compositor: Roberson Nascimento

Letra enviada por Banda Paranoia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Banda Paranoia no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS