A View Of The End (tradução)

Avec Tristesse

How Innocence Dies


A View Of The End


03. A View Of The End

(Letra: Nathan Thrall; Melodía: Pedro Salles)


Você me deixou sem força antes de eu me levantei

Entrando nos portões da solidão

Você me viu em desgraça


Você levar todo o meu riso

E deu-me o frio da escuridão

me cobriu-se sem esperança

E tirou toda a minha felicidade


A visão do fim, emoções subir

Meu coração inocente sofre por dentro

Tão triste, tão cego, tão fora da minha mente

Tão triste, tão cego, apenas me deixe morrer


Vou esperar para sempre?

É este o meu castigo?

Por favor, não me deixe na escuridão

Por favor, alcançar a luz novamente comigo


eu estava perdido em minha própria condenação

E mesmo se eu tentasse despertar, eu nunca iria escapar


Em minhas ilusões; horizontes sem cores

Dê-me uma distância para chegar a minha outra me de horror


Mesmo que eu corri na chuva

Vozes me cercam

Lançando um feitiço que mutilou minha mente


eu senti o vazio frear as minhas chances

E deixa escolha para mim

A brisa de tristeza explodiu dentro de mim

Trazendo de volta todos os meus tristes emoções


Eu congelei minha consciência

E adormeceu no meio de meu tormento

Colocado minha alma sob as folhas murchas

E agora eu sou eternamente sozinho


Pedro Salles: Voz Limpa e rasgada, Teclados e Guitarras

Nathan Thrall: Voz rasgada e Bateria

Rafael Gama: Baixo

A View Of The End


03.A View Of The End

(Letra:Nathan Thrall; Melodía:Pedro Salles)


You left me without strength before I rose

Entering the gates of loneliness

You saw me in disgrace


You carried away all my laughter

And gave me the cold of darkness

Covered me up with no hope

And took away all my bliss


The view of the end, emotions rise.

My innocent heart suffers inside

So sad, so blind, so out of my mind

So sad, so blind, just leave me to die


Will I wait forever?

Is this my punishment?

Please, don't leave me in darkness

Please, reach the light again with me


I was lost in my own damnation

And even if I tried to awake, I would never escape.


Into my illusions; horizons with no colours

Give me a distance to reach my other me in horror


Even if I ran in the pouring rain

Voices would surround me,

Casting a spell that mangled my mind


I felt the emptiness brake my chances

And leave no choice for me

The breeze of sorrow blew inside of me

Bringing back all my sad emotions


I froze my conscience

And fell asleep amidst my torment,

Laid down my soul under withering leaves

And now I'm eternally alone...


Pedro Salles: Voz limpa e rasgada, Teclados e Guitarras

Nathan Thrall: Voz rasgada e bateria

Rafael Gama: Baixo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS