Arlindo Cruz
Página inicial > Samba > A > Arlindo Cruz > Bancando o Durão

Bancando o Durão

Arlindo Cruz


Andar de marrento, olhar de brigão
metido a dar fala, paga sugestão
e diz que é sagaz é que tem proteção
lá vai ele

Dizendo que nunca sofreu por amor
não pagou romance nem se apaixonou
um cara fechada bancando o durão
lá vai ele

Eu já vi valente sofrer
já vi esse cara chorar
por uma mulher que não lhe soube amar
ai, ai, ai

Mais não dá o braço a torcer
não deixa ninguém se ligar
jura que foi ele que quis terminar
ai, ai, ai

Quando está sozinho na janela e vê o sol nascer
ele chora
quando vai a tarde e começa o anoitecer
ele chora
Pede pra santa guerreira, pede pra ela voltar
olha o coração desse malandro vai desmoronar(bis)
ele chora



Enviado por:

Luiza - Rio de Janeiro

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Arlindo Cruz no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS