• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    Encontrou algum erro na letra ou tradução? Colabore com a gente clicando nas frases abaixo ou enviando uma correção completa »
    The Nettles
    Sank into their calculations and snorted on a stench
    a bare arithmetic
    look for the boy who was hanging his head low
    more trophies and ideas
    to follow their pretend

    with a scowl in his pocket and a smile on his face
    he followed with obedience and fell in the nettles

    I flew in some spiked meniscus
    and he bought his own rope
    and skipped against the rode
    did start not to find the dark lead and catch that man i hope
    devices man are closed
    he lost all his foot holes

    and with a scowl in his pocket and a smile on his face
    he followed with obedience and fell in the nettles
    Fell in the nettles, fell in the nettles

    he was a toothpick and the garlic
    And the cinder upon the pub
    failed to blunt or hinder, a slow collapse
    and clinging to the door frame he was trapped
    after a reminder of where he had been

    with a smile in his pocket and a scowl on his face
    there was nowhere to flee
    just had to tent in the nettles
    As Urtigas
    Afundou em seus cálculos e resmungou com o odor
    Um aritmético nu
    Procure pelo garoto que mantém a cabeça baixa
    Mais troféus e ideias
    Para seguir seu fingimento

    Sua cara feia no bolso, o sorriso em seu rosto
    Ele seguiu com obediência e caiu nas urtigas

    Eu voei alguns meniscos espinhosos
    Ele comprou a própria corda
    E pulou contra a multidão
    Começou a não achar a pista obscura, e pegar o cara
    Produtos estão fechados
    Ele perdeu todos os buracos em seus pés

    Sua cara feia no bolso, o sorriso em seu rosto
    Ele seguiu com obediência e caiu nas urtigas
    caiu nas urtigas, caiu nas urtigas

    Ele era um palito de dentes e o alho
    E a cinza no bar
    Falhou em sua grosseria, um colapso lento
    E se apegando à moldura da porta, ele caiu na armadilha
    Depois de um lembrete de onde estava

    Seu sorriso no bolso, cara feia no rosto
    Não havia para onde fugir
    Teve que se abrigar nas urtigas




    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Arctic Monkeys

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.