• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    A lua e eu atravessando a madrugada,
    A chuva tá caindo,
    Minha roupa tá molhada,
    No peito eu carrego comigo uma grande mágoa,
    Deslancho feito louco pra biqueira da quebrada,
    Máquina fotográfica é penhorada,
    Já não serve mais pra nada, pois não tenho bons
    momentos,
    As fotos que tirei, sumiram perdi no tempo,
    De vez em quando vem um flash na memória eu lembro,
    Das festas que eu curti das minas que eu sai, dos
    amigos que eu nunca mais vi por ai,
    Mudo tudo depois daquele dia a princesa virou uma
    meretriz,
    Mesmo assim não merecia o que eu fiz,
    Deus não me pôs nesse mundo para juiz,
    tô uma máquina me dá a pedra mágica me empresta o
    isqueiro,
    Deixa eu acender tô fumando isso aqui pra poder
    esquecer de você,
    Penso em tudo que eu planejei pra nós,
    Penso no som angustiado da sua voz,
    Penso na família que eu queria ter contigo,
    Ainda sonho com seu rosto e ouço os seus gritos,
    Cada trovão que eu escuto me tremo todo,
    Será que vou ter o perdão do Deus todo poderoso,
    Mas tenho que fazer algo estão falando de mim,
    E homem que é homem não deixa essas fitas assim,

    Me ajuda, (2x)
    Se tem alguém ai me ouvindo,
    Por favor estou pedindo,
    Me ajuda, (2x)
    Estou a ponto de enlouquecer juntando forças pra
    sobreviver,

    Mas de hoje não passa vou fazer a desgraça,
    Já fazem seis meses que esse lixo tá rolando na minha
    casa,
    Lembrei das minas que eu tive agora a pouco,
    Não foram muitas, mas das poucas eu destaco um rosto,
    Era moreno lindo e perfeito sorriso meigo,
    Cabelo preto uma aliança com o meu nome dentro eu até
    pus no seu dedo,
    Ah quanta pedra já fumei pra disso não mais lembrar,
    Mas vira e mexe eu descuido e a lembrança tá lá,
    Ela vem a tona pra me castiga açoita faze sangrar,
    Que nem ela sangrou quando eu a esfaqueei,
    A ruína de um reino aquele momento se fez,
    Só não morremos três porque eu amarelei,
    Minha rainha em adultério dentro do meu castelo,
    Os gambés vieram meteram os ferros juiz bate o
    martelo,
    Sem massagem,
    Dez anos dentro do inferno,

    Me ajuda, (2x)
    Se tem alguém ainda ouvindo,
    Por favor estou pedindo,
    Me ajuda, (2x)
    Estou a ponto de enlouquecer juntando forças pra
    sobreviver,

    Fazem apenas três anos que eu tô em liberdade,
    Meu filhinho tá andando tem um ano de idade,
    Minha verdadeira metade mais doce que o mel,
    Na cadeia foi aonde aprendi que Deus é fiel,
    Tem um justo lá no céu intercedendo por mim,
    Mesmo quando eu fui ruim ele chorou por mim,
    Teve misericórdia e meu sofrer teve um fim,
    Tudo que eu me lembro ele já se esqueceu,
    As facadas que eu tomei pode crê também doeu,
    Eu dei três tomei seis, mas agora eu sei que aquilo
    não foi castigo,
    E hoje oro pelos inimigos que fizeram isso comigo Deus
    me trouxe alívio,
    Nos Salmos que os crentes liam de domingo,
    No meio das grades do concreto e do ferro,
    Deus salvou um homicída do fogo do inferno,
    Depois do tanto chorar,
    Depois do tanto clamar,
    Me perguntaram certa vez,
    Tu aceita a Cristo,
    Eu aceitei não foi fácil mas hoje eu tô vivo,
    Satanás volta e meia vem me acusar,
    Eu começo a orar e ele sai da minha presença,
    Quer me trazer doença e me fazer sentir culpa,
    Eu sei não tem desculpa o que eu fiz foi errado,
    Mas Jesus levou na cruz todo meu pecado,
    O meu débito foi pago com o sangue do Cordeiro,
    Antes de eu ser perdoado eu me arrependi primeiro,
    Como eu sofri outros manos também estão sofrendo,
    Mas Deus é autor da vida e reescreve a sua história,
    Por isso junta as mãos ajoelha e da glória,
    O demônio vem roubar matar e destruir,
    Mas Jesus morreu na cruz pra você pode sorrir,
    Ele veio nesse mundo para te dar vida em abundância,
    Então mantenha a fé fique firme,
    E nunca perca as esperanças.

    Eu conheço essa voz
    Eu sou Jesus
    Pois já ouvir essa voz mim chamando outra vez
    Sou teu amigo
    É a voz do meu melhor amigo
    Antes mesmo de você pedir
    Eu sei Senhor
    Eu já sabia o que você precisava
    Importou comigo
    Conte comigo
    Vou contar sempre
    Não tenha medo
    Pois tu é meu refúgio
    Eu estou contigo
    Mesmo que eu ande pelo vale da sombra da morte
    Eu te guardo, te fortaleço e te livro do perigo
    Como já me livrou do passado, me livrou hoje tu vai me Livra sempre
    Eu sou Jesus
    O meu melhor amigo

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Apocalipse 16

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.