Página inicial > Rap > A > Apocalipse 16 > Muita Tretze

Muita Tretze

Apocalipse 16


Refrão:
Vich, muita tretze
Vich, muita tretze
Vich(4x)
Eu vou dizer e você pode acreditar
Muita tretze vai ser quando Jesus voltar

Junta a treta com o treze, aí fica tretze
O mundo piora a cada dia dez vezes
A vida é pra valer, isso aqui não é um teste
Faz que nem o Guga, faz com a raquete
Michael Jordan enterrando no basquete
Voa, voa, passa por cima do oponente
Ronaldo Gaúcho balançando a rede
Meu rap é água pra alma de quem ta com sede
Mas também é fogo que arde
Punição que nem soco do Mohamed Ali
Tem que andar na frente que nem fazia o Senna
O muita tretze ta sempre na cena
Conquista o seu lugar e não deixa ninguém tomar
Schumacher só é rei porque Senna foi reinar em outro lugar
Não da mais pra mudar o ar e nem limpar as águas
Mais algumas décadas e tudo isso acaba
Seja com guerra ou com o click da quadrada
Click, cleck, cleck, e você não é mais nada
Já que o corpo um dia vai morrer, cuida da alma
Ta cruel, Deus do céu, o sangue escorre nas ruas de Israel
Escorre nos morros do Rio, escorre nas vielas de Sp
Viver na loucura é pedir pra morrer mais cedo
Cristo sangrou na cruz porque não quer perdê-lo
Só que o mundo ta cheio de vagabundos da cabeça dura
Que vão ficar pra trás no dia da 2ª Vinda, A Cura

Muita Treta é ver que o tempo passa e nada muda
Mesmo que a gente espere uma mudança de conduta
Meu povo não desiste, ergue a cabeça e vai a luta
Sobreviver nesse país é uma loucura
O desespero do pai de família desempregado
O moleque na esquina implorando um trocado
No presídio, a rebelião fez mais um finado
A mãe chora, do lado de fora, pelo filho assassinado
Chega o Garra, o Goe, o Choque e o Esquadrão
Bonequinho do governo pra matar ladrão
O clima fica tenso, é bom ficar ligeiro
Se der fuga mano, eu quero ser o primeiro
A guerra começou, não tem pra onde correr
Todo mal que você faz, um dia volta pra você
Alpiste e Apc, tamo junto, Treze
Muita treta, pode crê

Vivemos tempos sombrios, aquele que ainda ri no Brasil
Ainda não viu, muito menos notou o terrível horror que passamos, hostil
A cidade está em desordem, quem reina é a fome
Tempo doentio, mundo baldio, então anuncio, vai ficar pior tio
Revolução erótica, adultério digital, solidão eletrônica
Terror ferroviário, marítimo, aéreo, suicídio sem lógica
Então moleque, eu não te iludo, mas vai pro culto
Eu recomendo, é o fim dos tempos, furtos ocultos, apocalipse acontecendo
Ta triste, ta osso, mas não desanime
Largue o crime, faça esforço, se aproxime, vem conosco
Lime o que te oprime, incline sua cabeça ao Deus sublime
Não se lastime, faça da sua vida um novo filme
Se anime, corra antes que você morra, não subestime
Pode ser tarde, meu compadre, sem maldade
O Ao Cubo se preocupa com a irmandade

Compositor: Pregador Luo, Dj Alpiste E Ao Cubo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Apocalipse 16 no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS