Teia

Apanhador Só

Meio que Tudo é Um


O que te faz rir
te abre o peito
te acerta mais em cheio
mas revela um troço que eu não sei se eu gosto

calculo fugir mas não dá jeito
como tudo é imperfeito
não tem rota de fuga possível
tudo avança e retrocede
junto pouco a pouco em degradê
cada um no seu caminho ligado em teia
todos os caminhos

problema é quando
a gente ta puxando d'uma corda
ê ô
do mesmo jeito de quem tá do outro lado
puxando da mesma corda (x2)

pode ferir, será direito
tira no meio
mas revela uns troço que talvez eu goste
penso em ficar mas não dá jeito
como tudo é movimento
não tem freio que consiga interromper
tudo avança e retrocede junto
muito a muito sem ter fim
cada um pequenininho constelado em multiplas direcoes

problema é quando
a gente ta puxando d'uma corda
ê ô
do mesmo jeito de quem tá do outro lado
puxando da mesma corda

problema é quando
a gente ta puxando d'uma corda
ê ô
do mesmo jeito, ou quase, de quem tá do outro lado
puxando da mesma corda

problema é quem, também
só ve dois lado de uma corda
quando que tudo é teia emaranhada resultando em muitas cordas

e a espera na estrada por uma carona
pode ser desesperada
e a espera na estrada por uma carona
pode ser desidratante
e a espera na estrada por uma carona
pode ser desnecessária
e a espera na estrada por uma carona
pode ser, pode ser, pode ser, pode ser

Letra enviada por Giovana Guedes

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Apanhador Só no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS