Terra

Ao Cubo

Um Por Todos


A lua no céu
A brisa no mar
Não estao mais como eram
E o sol com o seu calor
Parece que tá vindo com força total
Tudo transformado
Tudo modificado
Parece que esta perto o fim
A profecia se cumprindo
Sera que o salvador tá vindo
Pra você pra mim

O planeta tá em transe (2x)
Agonizando e esperando sua própria morte
E a natureza grita em defesa
Mostra uma surpresa provocando o tsuname
Muitas espécies de animais estão sumindo
Os pinguins querem viver mais não estão conseguindo
Eu te pergunto quem pode ajudar
Tão gastando tanta água que tá prestes a acabar

Será o fim de tudo isso
Vem cá quem tá no compromisso de mudar o planeta pra
Ficar melhor
Você já sabe o que fazer de cór

Ouço um alarme é um roubo a humanidade
Nosso clima não combina mais que fatalidade
é o nosso patrimônio será que falta neurônio
O sol tá bem mais quente sem camada de ozônio
Olho o céu todo cinza
Não é chuva e nem brisa
é a fumaça do busão que traz asma e corisa
A indústria cresce e aparece oferece muito carro
Mais estrago e a gente adoece
Tudo vira rodovia, é o indio carro guia
Como pode um peixe vivo viver fora de água fria
Enquanto ainda tem fauna o planeta pede calma
Aquecendo como sauna
Por favor um pouco mais de alma

Sera o fim ou o começo
Da grande tribulação
Escrita no livro preto
Inspirada pelo mestrão
O preço pela destruição que a população
Causou desde o berço em busca do que faz mal pro coração
Dinheiro o mundo só pensa em dinheiro
é tudo assim quem que vai pagar no fim
Você vai comer o que, diz pra mim
Vai comer, vai beber, dinheiro
A natureza não tá nem ai se você paga pela água
O criador fez o favor de dar tudo de graça
Cabe a mim e a você a tudo administrar
Feche a torneira que um dia seu filho vai precisar

Compositor: Ao Cubo E Zeider

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Ao Cubo no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS