Angra

Omni - Silence Inside (tradução)

Angra

ØMNI


Omni - Silêncio interior


Você percebe, silêncio interior, livre do tempo

e espaço

Ecoam os chifres e portanto renascemos em glória

Sem surpresas, hipnotizado, o novo fluxo


O milagre do amor

No limite do mundo

Expande pra dentro e fora o horizonte do infinito de Omni

No limite do mundo

A loucura do amor

Cinzas assopradas enquanto o sol se vai

como brasa morrendo


Então vai a vida inquebrada e frágil, pelo universo

do Omniverso

Os limites do vazio de volta à fonte a qual pertencemos


Prenda sua respiração, se acalme, conceda

Não fique certo de nada

Certo e calmo, abaixo das marés, você cruza a linha


Das fronteiras, céus brilhantes estão carmesins


O milagre do amor

No limite do mundo

Expande pra dentro e fora o horizonte do infinito de Omni

No limite do mundo

A loucura do amor

Cinzas assopradas enquanto o sol se vai

como brasa morrendo

deixa um silêncio interior


Estrelas de nêutrons estão agora colidindo

Explodindo em algum lugar no céu

Todos os dias nós somos melhores em destruir

O que amor e caos organizaram

Poderia Deus estar errado?


O milagre do amor

No limite do mundo

Expande pra dentro e fora o horizonte do infinito de Omni

No limite do mundo

A loucura do amor

Cinzas assopradas enquanto o sol se vai

como brasa morrendo


O milagre do amor

A loucura do amor

Nossos espelhos colidem, as trombetas soarão

enquanto as paredes cairão

Omni - Silence Inside


You realize, silence inside, free from time

and space

Echo the horns and thus we reborn in glory

No surprise, mesmerized, the new flow


The miracle of love

On the edge of the world

Expands in and out the horizon of Ømni's infinity

On the edge of the world

The madness of love

Ashes blown as the sun goes down

like. dying ember


There goes life unbroken 'n' fragile, around

the Omniverse

The limits of void back the source where we belong


Hold your breath, be quiet, receive

Be sure of nothingness

Certain and calm, beneath the tides, you cross, the line


From the bounds, sparkling skies are crimson


The miracle of love

On the edge of the world

Expands in and out the horizon of Ømni's infinity

On the edge of the world

The madness of love

Ashes blown as the sun goes down

like dying ember

Leaves a silence inside


Neutron stars are now colliding

Bursting somewhere in the sky

Every day we're better on destroying

What love and chaos organize

Can't our God be wrong?


The miracle of love

On the edge of the world

Expands in and out the horizon of Ømni's infinity

On the edge of the world

The madness of love

Ashes blown as the sun goes down

like dying ember


The miracle of love

The madness of love

Our mirrors collide, the trumpets shall cry

as the walls fall down

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS