Berço

André Finhana


Não me importa o calor do lençol
Nem se o travesseiro é bom
Se chove la fora ou faz sol
Desde que eu te envolva no meu
Abraço mais cheio de amor
Desde que minha mão seja um berço
Onde a tua mão repousou

Não me importa se o tempo passar
Nem se meu relógio atrasar
Se perder a hora ou achar
Meu tempo dedico a você
O dia e a noite, então
Amorosos se mesclarão
Num momento único a nós

Desde que tua respiração
Me seja a mais bela canção
Desde que teus olhos me sejam o céu
Que meu corpo encaixe no teu
E teu corpo encaixe no meu
Tal qual fosse amor algo assim
Um quebra cabeça no fim
De duas pecinhas e só

Só sei é que te amar
É escolher te precisar
É ter um objetivo pra mim
Te fazer, todos os dias, sorrir

Letra enviada por André Finhana

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a André Finhana no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS