Cabelinho

André e Andrade

Tá Na Cara


Acordei de madrugada
Meu travesseiro no chão
O lençol amarrotado
Descobriu o meu colchão

O cobertor enrolado
Ali num canto da cama
Chorei de tanta saudade
Ao ver que a felicidade
Não existe pra quem ama

Saí do quarto em desespero
Fui pro chuveiro pra esquecer dela
Num pedacinho de sabonete
Tinha um lembrete das horas dela

Um cabelinho pequenininho
Enroladinho que ali grudou
Da última noite de amor
Que passei abraçado com ela

Só quem foi abandonado
Pra saber o que estou passando
Qualquer coisa é um bom motivo
Pra gente ficar chorando

Não tenho mais alegria
Passo as noites no abandono
Estou pedindo socorro
Fiquei igual um cachorro
Quando perde do seu dono


Saí do quarto em desespero
Fui pro chuveiro pra esquecer dela
Num pedacinho de sabonete
Tinha um lembrete das horas dela

Um cabelinho pequenininho
Enroladinho que ali grudou
Da última noite de amor
Que passei abraçado com ela

Saí do quarto em desespero
Fui pro chuveiro pra esquecer dela
Num pedacinho de sabonete
Tinha um lembrete das horas dela

Um cabelinho pequenininho
Enroladinho que ali grudou
Da última noite de amor
Que passei abraçado com ela

Compositor: André, Andrade, Luiz Rosa

Letra enviada por Pedro Paulo Mariano

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a André e Andrade no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS