Lá Vem Ela

Amado Batista

Tum Tum De Saudade


Que beleza de mulher, lá vem ela
Sozinha a passar, quem será o dono dela
Eu queria ter a sorte que seu homem tem
De todo esse corpo, um dia eu queria ser dono também

Todo dia ela passa na rua de casa
De cabeça baixa finge que não quer me ver
Eu como sou atrevido, dou uma olhada
Sei que isso é errado, mas o que fazer

Quem será o felizardo que dorme com ela
Será que ele dá amor como eu quero dar
Se ela soubesse como eu sou tão carinhoso
Deixar-me eu provar do seu corpo gostoso
Com certeza nunca ia me deixar

Compositor: José Fernandes

Letra enviada por lincoln greik dos santos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Amado Batista no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS