Destino Cruel

Amado Batista


Hoje esta fazendo um ano,que o meu amor partiu e me deixou sozinho.
Justo no momento,que eu estava carente e precisando de carinho.
Nunca esqueci,aquele dia que o meu celular tocou.
Era um amigo,com a voz trêmula ele me comunicou.
Foi um acidente,um avião que se chocou em pleno ar,o mesmo vôo que sua mulher ia pegar.
Ela estava indo ao seu encontro a lhe abraçar.

Não acreditei,como pôde o destino ser tão cruel.
O mesmo destino que nos uniu aqui na terra.
Tinha levado o meu amor lá para o céu.

(refrão)

Não acreditei,como pôde o destino ser tão cruel.
O mesmo destino que nos uniu aqui na terra.
Tinha levado o meu amor lá para o céu.

Compositor: Romilda Barros

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Amado Batista no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS