Moda do Solteirão

Alvarenga e Ranchinho


A rapaziada de agora
Sem pensar como eu pensei
De certo que não se casa
Como eu não me casei
Vida de casado é triste
Eu que falo é porque sei

Bem queria me casar
Quando eu tinha vinte ano
Eu ainda era bobo
Não sabia os engano
Fui feliz, não me casei
Livrei de andar penando

Casar não é casaca
Diz o ditado do povo
Casamento é muito bão
Pros casadinho de novo
Quando é de um ano em diante
A muiér serve de estrôvo

Se hei de arranjá dinheiro
Não ficá fartando nada
A muiér já vem dizendo
Com uma falinha enjoada
Eu tô com muita vontade
De comê uma marmelada

Chorando véve os casado
Entretanto tão fingindo
E anda muito contente
Véve alegre e tá sorrindo
Mas só os coitado sabe
A dor que ele tá sentindo

Compositor: Capitão Furtado, Alvarenga e Ranchinho

Letra enviada por Pedro Paulo Mariano

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Alvarenga e Ranchinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS