Página inicial > Sertanejo > A > Almir Sater > Pagode Bom de Briga

Pagode Bom de Briga

Almir Sater

Caminhos Me Levem


Tem relógio hoje em dia
Que já nem faz "tic-tac"
Tem viola que afina
E outras são meio "Mandrake"
Violeiros tem dos bão

Mas também tem uns de "Arake"
Muita gente dá lição
Com cultura de almanaque
Eu não vou lavar as mãos

Que nem fez Pôncio Pilatis
Já cantei até no hospício
Prá levar a minha arte
Entre mil Napoleões
Fui eleito Bonaparte

Ciúme dessa menina
Pirulito que bate-bate
Quem gosta de mim é ela
Quem gosta dela é a SWAT
Os beijo dessa menina
Arde mais que Merthiolate

O Brasil ganhou a Copa
Só jogou no contra-ataque
Levou muito dirigente
Para muito pouco craque

Desse jeito jogar duro
Com a Argentina ou com o Iraque
No último instante
Só não pode é dar empate
Quando em pênalti decide

Quase mata nóis de enfarte
Tem político hoje em dia
Que só fala disparate
Tem banqueiro mafioso

Que não foi prá atrás das grade
Valentão que fala grosso
Quando cão morde não late
Meu pagode é bom de briga
Isso foi amostra grátis
Só não vou lavar as mãos
Que nem fez Pôncio Pilatis

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Almir Sater no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS