Paranormal (tradução)

Alice Cooper

Paranormal


Paranormal


Estou condenado à longa noite sem fim

E vivo na ausência de luz

E minha sombra tem vida própria

Olhando para você enquanto dorme sozinha


Quando a noite é fria, só pele e ossos

E você está enrolada sozinha nos lençóis

Há um toque no seu telefone morto

Não se assuste quando não há ninguém em casa


Como um beijo de teia de aranha no seu rosto

Esse cheiro familiar é apenas um traço

Esse é o meu perfume que eu deixei em seu laço

Então você nunca está sozinha

Não, você nunca está sozinha


Estou condenado à longa noite sem fim

E vivo na ausência de luz

Paranormal


I'm condemned to the long endless night

And I live in the absense of light

And my shadow has a life of its own

Watching you while you sleep all alone


When the night is all cool, skin and bones

And you lie wrapped in sheets on your own

There's a ring on your dead telephone

Don't be scared when there's nobody home


Like a spider web kiss on your face

That familiar smell just a trace

That's my scent that I left on your lace

So you're never alone

No, you're never alone


I'm condemned to the long endless night

And I live in the absense of light

Letra enviada por Leandro Lima

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS