No Lo Digo Por Nada (tradução)

Alejandro Sanz


Não estou dizendo isso por nada


Só sou um homem que vai procurando o frio

só estou procurando meu próprio caminho

deixo pra trás os rolos ruins, sempre ao horizonte

lanço os meus olhos, meu olhar de bisonte (um animal da família do touro)


Eu quero ver nos seu olhos

quero ver a força da raiva

eu quero ver que você sobe até mesmo ao céu

esperando que haja algo melhor que aqui no chão


Isto não é diferente a tudo que sonhamos

isto é muito diferente de tudo que já sugamos

eu sei que não tem como seguir

mas é que junto a você, sim

não estou dizendo isso por nada

sim, não estou dizendo isso por nada


Sou como a chave para o orgulho da fechadura

que quanto mais gira, mais do portal me livro

sou como esse nome que você não pode esquecer,

não gosto de uma briga quando ela é de verdade

se derretam nos seus próprios medos

que se desfaçam na escuridão

e eu vejo fora, eu vejo fora

tanta quente que tinha que estar. (dentro)

Sim, não estou dizendo isso por nada

sim, não estou dizendo isso por nada


Cansado de você, cansado de você

cansado de escutar tanta pu?? merda na televisão

quem baixa pela internet o ódio e o amor

briga com a vida e aumenta a sua dor


Não estou dizendo isso, não estou dizendo isso por nada

só são palavras que da minha boca escapam

eu não estou te dizendo isso, não estou dizendo isso por nada,

somente são palavras,

não tenha medo das palavras.

Não estou dizendo isso, não estou dizendo isso por nada

só são palavras que da minha boca escapam

eu não estou te dizendo isso, não estou dizendo isso por nada,

somente são palavras,

não tenha medo das palavras.

(eu não estou te dizendo isso por nada)




No Lo Digo Por Nada


Sólo soy un hombre

Que va buscando el frío

Sólo estoy buscando mi propio camino

Dejo atrás los malos rollos,

Siempre al horizonte

Echo mis ojos, mi mirada de bisonte.

Yo quiero ver en tus ojos

Quiero ver la fuerza del enojo.

Yo quiero ver que subes

Hasta el mismo cielo

Esperando que haya algo mejor

Que aquí en el suelo.

Esto no es distinto a lo que hemos soñado,

Esto es muy diferente a lo que hemos mamado.

Yo lo sé que no hay manera de seguir

Pero que es que junto a ti, sí;

No lo digo por nada.

Sí, no lo digo por nada.

Soy como la llave

Pa el orgullo del cerrojo,

Que cuanto más se gira,

Más del marco me despojo.

Soy como ese nombre que no puedes olvidar,

No rehuso una pelea, cuando es de verdad.

Que le gritan en sus propios miedos,

Que se deshagan en la oscuridad,

Y yo veo fuera, yo veo fuera,

Tanta gente, que tenía que estar

Dentro.

Sí, no lo digo por nada.

Sí, no lo digo por nada.

Cansado de ti, cansado de ti,

Cansado de escuchar tanta puta mierda en la televisión,

El que se baja de internet el odio y el amor,

Se *faja con la vida,

Se sube del dolor.


No lo digo, no lo digo por nada,

Sólo son palabras

Que de mi boca escapan.

Yo no te lo digo, no lo digo por nada,

Solamente son palabras,

No tengas miedo a las palabras


No lo digo por nada

No lo digo por nada,

No, no tengas miedo a la verdad.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS