Página inicial > Fado > A > Aldina Duarte > Paraíso Anunciado

Paraíso Anunciado

Aldina Duarte


Onde as flores se tornam pão
E os amores são água pura
Sempre aberto o coração
Ilumina a noite escura

Paraíso anunciado
P'la memória d'alegria
Tantas vezes revelado
Numa noite até ser dia

Como se um fruto tombasse
Sobre os ramos amparado
Como se a terra deixasse
O sol sempre a nosso lado

Por amor pedi ao céu
Que me desse outro caminho
Há o destino que é meu
E um que nasce sozinho

Compositor: Letra: Aldina Duarte Fado Vianinha

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Aldina Duarte no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS