Alcione
Página inicial > Samba > A > Alcione > Jesuino Galo Doido

Jesuino Galo Doido

Alcione

Morte De Um Poeta


Ô lele ô, lelé ô lelé ô a
Quem mata o que não se come
Não perde por esperar

Jesuíno galo doido
Viveu de filosofia
Um malandro diplomado
Nos prazeres da folia

Cavalgando seu cavalo
Abram alas pra alegria
Jesuíno é santo novo
Nos terreiros da bahia

Saravá, saravá, saravá
Ele é santo, ele é rei, é orixá

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Alcione no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS