Página inicial > MPB > A > Alceu Valença > Facheiros e Mandacarus

Facheiros e Mandacarus

Alceu Valença


Adeus cumpadre Virgulino!
Adeus Servero Brilhante!
Quem manda em nóis é o destino
A gente se encontra adiante

Era tão verde a paisagem aos poucos mudou de cor
Trocou de roupa, de traje, na medida em que andou
Em direção ao sertão acinzentada ficou
Virou um camaleão, acinzentada ficou
Isto vai virar, um cemitério de terra
Só restarão facheiros, mandacarus
Urubus magros, esqualidos
Facheiros, mandacarus
Restará o semi-árido
Facheiros, mandacarus

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Alceu Valença no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS