• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    Encontrou algum erro na letra ou tradução? Colabore com a gente clicando nas frases abaixo ou enviando uma correção completa »
    Orchid
    Me, and my helmet such a non-conventional orchid
    All intense and kinetic, at best tolerated from afar
    Not yet arrested, and by that I'm in-betrothed, though
    I start?
    I am newly coated, I've just not been trusted with
    alters

    I'm a sweet piece of work, well intentioned yet
    disturbed
    wrongly label-ed and underfed, treated like a rose as an orchid

    My friends, as they weigh in, they're understandably protective
    They have a hard time being objective
    So inside we console each other...

    I'm a sweet piece of work, well intentioned and
    unloved
    Wrongly labeled and misunderstood, treated like a rose as an orchid

    You've got water to me, making sure my bloom
    rebounds
    you know best of what my special care allows

    So I've lived in my blind spot.
    Thought myself usual when I'm not in your guard
    Then there's a nice spot, as long as it is brave
    where you are

    For this sweet piece of work, high maintenance and
    deserted
    I've been different and deserving, treated like a rose as an orchid
    This sweet piece of work, overwhelmed un-observed
    I've been bowed down to but so misread, treated like a rose as an orchid
    Orquídea
    Eu e o meu capacete, uma orquídea nada convencional
    Intensa e ativa, melhor tolerada à distância
    Ainda não capturada, mas ainda assim por isso estou comprometida,
    Eu começo?
    Sou recém compromissada, só não me confiaram a altares

    Eu sou um doce trabalho inacabado, bem intencionada, mas perturbada
    Injustamente rotulada e subnutrida, tratada como uma rosa sendo uma orquídea.

    Meus amigos, como eles se importam, são compreensivelmente protetores
    Eles tem dificuldade em serem objetivos,
    Então por dentro nos consolamos mutuamente...

    Eu sou um doce trabalho inacabado, bem intencionada e sem encanto
    Erroneamente rotulada e mal compreendida, tratada
    como uma rosa sendo uma orquídea.

    Você trouxe água para mim, certificando-se de que vou florescer
    Você sabe muito bem o que os meus cuidados especiais permitem

    Então vivi no meu ponto cego.
    Me achando comum quando não estava sob a sua proteção
    Então há um lugar agradável, contanto que seja bem onde você está.

    Por este doce trabalho inacabado, bem preservado e
    abandonado
    Fui diferente e merecedora, tratada como uma
    rosa, sendo uma orquídea.
    Este doce trabalho inacabado, impressionado e despercebida
    Já curvaram-se diante de mim mas fui mal-interpretada, tratada como uma rosa, sendo uma orquídea.

    Por: Fábio - RJ




    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Alanis Morissette

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.