Página inicial > A > Aitana > arde > Tradução

Arde (tradução)

Aitana


Arde


Esse é o lugar onde a verdade

É um abraço eco, um disfarce

Imagina ser um velho refém

Uma tela esquecida na parede

E não, não quer, não vê


Arde, arde que arda bem

O conto do escravo e seu rei

Arde, arde que volte a arder

Quem perde a memória por prazer


Não vá cair, sou filha também

Não tem raça no peito nem na pele

Calada por nascer, história de babel

A vergonha do teu tiro a seu cravo

Será que não, não quer, não vê


Arde, arde que arda bem

O conto do escravo e seu rei

Arde, arde que volte a arder

Quem perde a memória por prazer


E não há lar se não, se não tem calma

Não tem lar se não

E se não arde, arde que arda bem

O conto do escravo e seu rei

Arde, arde que volte a arder

Quem perde a memória por prazer


E se não arde, arde

O conto do escravo e seu rei

Arde

Quem perde a memória por prazer

Uma tela esquecida na parede

Arde


Es ese lugar donde la verdad

Es un abrazo hueco, un disfraz

Imagina ser un viejo rehén

Un lienzo olivado en la pared

Y no, no queréis, no lo veis


Arde, arde que arda bien

El cuento del esclavo y su rey

Arde, arde que vuelva a arder

Quien pierde la memoria por placer


No vas a caer, soy hija también

No hay raza en el pecho ni en la piel

Callada por nacer, historia de babel

Soy la vergüenza de tu tiro a su clavel

Será que no, no queréis, no lo veis


Arde, arde que arda bien

El cuento del esclavo y su rey

Arde, arde que vuelva a arder

Quien pierde la memoria por placer


Y no hay hogar si no, si no hay calma

No hay hogar si no

Y si no arde, arde que arda bien

El cuento del esclavo y su rey

Arde, arde que vuelva a arder

Quien pierde la memoria por placer


Y si no arde, arde

El cuento del esclavo y su rey

Arde

Quien pierde la memoria por placer

Un lienzo olvidado en la pared

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS