Agnaldo Rayol
Página inicial > A > Agnaldo Rayol > Rumo Incerto

Rumo Incerto

Agnaldo Rayol


Sei que vai passar
Mas por enquanto é tão horrível, suportar
Dói, meu coração a cada instante
Tão distante de você
Choro e no silêncio desta solidão
O ti perder é como ter, sangrado ser
Prenúncio triste no olhar
De quem já vai morrer
Já vai morrer

Ah! Como faz falta seu carinho
Seu amor em mim, seu amor em mim
Ah! Não pode haver dor tão pior
Nem maior que essa dor de saber
Qual será seu fim eu sei que sim
Vai seu rumo incerto
Caminhos por onde nos sonhos vazios
O horror se esconde
Pra lhe atropelar, pra lhe atropelar

E lhe fazer chorar, e de fazer chorar
Vai morrer no riso, num riso doente
Onde a dor se estende
Num mundo indeciso
De não se encontrar, de não se encontrar

Ah! Você vai ver que caminhos estranhos
Você vai pisar, você vai pisar
E saber que a vida existe num mundo melhor
No amor bem maior
O amor que eu quis lhe dar
Vai
Não se encontrar, não se encontrar, não se encontrar
Vai, vai, vai, vai
Não se encontrar, não se encontrar, não se encontrar
Vai

Composição: Luiz Vieira

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Agnaldo Rayol no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS