Página inicial > Samba > A > Agepê > Musa de Ordonho

Musa de Ordonho

Agepê

Roda de Samba com: Agep


Oh! Minha musa de ordonho
Que veio de um sonho
Direto pro meu coração
Tão poesia, ternura
Aroma, doçura
Me deixando todo paixão
No seu chamego adormeço
E até me esqueço
Que a vida não pode parar
Pena que não sou poeta
Com frases completas
Que você merece escutar

O seu amor
Me rejuvenesce tanto
Assim como um soro santo
Que combate dor qualquer
Sou beija flor
Que pousou no seu caminho
Que provou do seu carinho
E te fez ninho mulher

Oh! Minha musa de ordonho
Que veio de um sonho
Direto pro meu coração
Tão poesia, ternura
Aroma, doçura
Me deixando todo paixão
Eu fico louco varrido
E perco os sentidos
E tudo que eu quero é morar
Nos seus afagos tão puros
Que me tornam impuro
Perdido de tanto pecar

O seu amor
Me rejuvenesce tanto
Assim como um soro santo
Que combete dor qualquer
Sou beija flor
Que pousou em seu caminho
Que provou do seu carinho
E te fez ninho mulher

Compositor: Agepê/ Totonho/ Canarinho

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Agepê no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS