Página inicial > Indie > A > Aerocirco > Faz de Conta

Faz de Conta

Aerocirco


Saiba que o mundo não quis fazer mal
Até um tropeço pode ser normal
Só faz do esquecido o principal
Faz de conta, é o bem e o mal.

E a tristeza já nem dá sinal
O amor invade todo o lado mal
Se toda ação já mergulhou no tal,
Faz de conta, se tornou real

(Refrão)

Faz de conta é permitido, pra mudar a direção
Pra lembrar do esquecido, com o coração

E tudo está em outra dimensão
O pouco já virou mais um milhão
O irreal virou verdade, não
Faz de conta, já não volta não

Aquele cego agora enxerga bem
O egoísta ajudou alguém
E o ladrão já não rouba mais quem
Faz de conta, ser assim também

(Refrão)

Faz de conta é permitido, pra mudar a direção
Pra lembrar do esquecido, com um coração

Faz de conta é permitido, quando a voz da sua
razão,
Faz do silêncio um grito, que não cala não. (2x)

Compositor: Fábio Della

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Aerocirco no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS