Página inicial > Sertanejo > A > Adriano & Beton > Herderio do Rei do Gado

Herderio do Rei do Gado

Adriano & Beton


Nossa vida é trabalhar, capinamos nossa roça
Plantamos o de comer pra ter em casa de sobra
Quando chega o fim da tarde pego estrada e vou embora
Trabalho com muita fé com deus e nossa senhora
Vou embora pro ranchinho com a viola nas costas.

Quando chego em minha casa minha mulher vem me receber
Bota os joelhos no chão e a Deus vai agradecer
Por um dia de trabalho outra fez pude vencer
Na roça o que fortalece é o amor de minha família
Sem meus filhos não sou nada sem eles eu morreria

Quando chego no meu rancho a viola vou tocar
No pedaço de um papel um rabisco vou deixar
Contando a minha história que pra sempre vou lembrar
Foi numa tarde de sol que a carta até mim chegou
Trazendo toda herança que meu pai pra mim deixou

Naquele dia senti meu peito despedaçado
Em saber que o meu pai no peito foi baleado
Ele me mandou uma carta me deixando um recado
Perdão por ter te deixado sozinho e abandonado
Mais sei que cresceu feliz de você estou orgulhado

Sou um bom trabalhador e dou conta do recado
Com a herança do meu pai agora tenho empregado
Que cuidam da minha boiada e que recebem dobrado
Para quem não me conhece vou deixando o recado
Simplesmente agora eu sou herdeiro do rei do gado.

Compositor: Adriano César Marques

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Adriano & Beton no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS