Rio de Prazer

Adriana (romântica)

Sem Mais Talvez


Meu amor
Todo esse tempo
Que eu vivi
Com você eu aprendi
Do teu ser
Da tua liberdade
Só você me traz felicidade

E eu nem sei
Como agradecer
Me transformei num rio de prazer
Não vai dar para explicar
Mas mesmo assim eu tenho que cantar

Baby me beija mais forte
Faz assim eu quero teu toque
Baby me mata de prazer
E me faz escrava de você

Sou feliz e nada vai me transformar
O que você me deu ninguém pode tirar
Só eu sei o tempo não pode apagar
É muito além do que se possa imaginar

É só sentir e agradecer
Me transformei num rio de prazer
Não vai dar para explicar
Mas mesmo assim eu tenho que cantar

Compositor: Márcio Monteiro, Marcos Monteiro e Luís Sarmanho

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Adriana (romântica) no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS