Fórmica Blue

Adriana Maciel


Fui
Fica um gole de mim
No café que restou
Sobre a mesa sem fim da manhã
Fórmica blue
Céu das bolinhas de pão
Onde o meu coração
Desandou a bater
E onde a minha ilusão se desfez
Fórmica blue
Eu nunca vou te esquecer
Tua fria mudez
Me chamou à razão
Na dureza da luz me joguei
Fórmica blue
Vim a sofrer como um rei
Não me falta poder
Mas o amor acabou
Quem vai me suceder nessa dor?
Fórmica blue
Sim, quero a revolução
Um outubro brutal
Primavera de mim
Vejo um muro cair aos meus pés
Fórmica blue
É proibido proibir
Deixo tudo pra trás
O futuro é meu lar
Outras fórmicas hão de luzir
Fórmica blue
Em outras formas de amar
Em que não haja paz
Que não seja real
Em que um prato a voar seja só
Fórmica blue
Só uma nave espacial
Que aliás já chegou
Veio aqui me buscar
Olha o disco voador no quintal
Fórmica blue
É hora de dizer tchau
Fica um gole de mim
No café que restou
Mais amargo que frio, tens razão
Fórmica blue
Mar das bolinhas de pão
Onde o meu coração
Soube sobreviver
E onde a minha emoção emergiu
Fórmica blue
Eu nunca vou te esquecer

Compositor: Música: Luciano Mellol, Letra: Vitor Ramil

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Adriana Maciel no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS