O Baião Vai

Adelmário Coelho


O baião vai
O baião vai, se levantar
Ele é nordestino
E não foge sem lutar
Onde nasceu o baião

No coração do agreste
Dominou norte-nordeste
Invadiu toda nação
Causou até sensação
Pras bandas do estrangeiro
E voltou mais brasileiro
Do que cacau e feijão

Ele é o lamento
Da alma do meu sertão
Ai baião, você não pode partir
Ai baião, o povo te quer aqui
Para reviver
A glória dos dias teus
E a voz do povo
É a voz de Deus

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Adelmário Coelho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS